domingo, 15 de janeiro de 2012

Mauá e Eduardo Paes


Ao mesmo tempo que os pontos de ônibus da pça mauá são removidos para sumir com os pobres que os usam, pelo projeto porto maravilha da prefeitura, se remove também uma homenagem ao grande brasileiro Irineu Evangelista, o Barão de Mauá, por acaso(?) nome da referida praça.
Acredito que a mentalidade débil do playboy-prefeito, ou não dá a mínima para a nossa história ou se incomoda que os estrangeiros, que ali desembarcam dos transatlãnticos rumo aos prostíbulos. Saibam que esta nem sempre foi uma república das bananas.
Sim o Brasil foi um império continental, com tecnologia de ponta e empresários patriotas, mas esse Brasil não apenas se foi, como parece haver um certo gosto por tentar apagar as marcas que ele deixou, assim como se tenta varrer para debaixo do tapete a nossa miséria mostrando a cidade maravilhosa aos estrangeiros e condenandoos moradores da baixada usuários de ônibus.
Tudo isso em uma única obra de praça.

Este é o estado actual da estatua do grande empreendor, industrial, banqueiro, pioneiro da estrada de ferro no Brasil.
Jogada ao lixo num canto da Fabrica de Asfalto da Prefeitura próximo da Leopoldina.
Esta estatua inaugurada por nossa família em 13 de maio de 1910 na Praça Mauá, na presença de várias autoridades brasileiras e estrageiras, para indicar alí marco inicial da primeira ferrovia no Brasil inaugurada no distante dia 30 de abril de 1854. Fundou Mauá em 1852 a Imperial Ciª de Navegação a Vapor Estrada de Ferro de Petrópolis depois rebatizada por ele em 1874 com o nome de Ciª Estrada de Ferro Príncipe do Grão-Pará, saindo numa barca dalí do pier Mauá desembarcava-se no pier da praia de Mauá em Magé na Estação de Guia de Pacobaiba embarcava-se no Comboio indo via Inhomirim, Fragoso, Raiz da Serra até a cidade de Petrópolis.
Este homem que tanto fez pelo Brasil, ferrovias, companhia de Gás, Telegrafo Submarino ligando o Brasil ao resto do Mundo, salvou varias vezes a Nação da falencia, embora TODOS tenhão negado ajuda quando ele precisou, deu até seus oculos para honrar suas dividas.
O sr. Prefeito Eduardo Paes manda destruir a unica homenagem que esta terra fez ao grande brasileiro. Até a bengala da estatua foi roubada
Nós descendentes não temos força para lutar pedimos vossa ajuda para divulgar e denunciar esta injustiça.

Eduardo André Chaves Nedehf Marquês de Viana - tetraneto
Francisca Chaves Nedehf Marquesa de Viana - trineta
Dr. Jorge Paes de Carvalho - trineto
Clarisse Sampaio Vianna - trineta