terça-feira, 6 de setembro de 2011

Circuito Ferroviário Vale Verde

O CFVV, do Sul de Minas, é um projeto que pretende revolucionar o turismo na região de Lavras.
Por César Mori*
De Lavras-MG

RELATÓRIO COMENTADO
Caros amigos, membros e colaboradores do CFVV, nesta próxima semana estaremos realizando o registro em cartório do nosso Circuito Ferroviário Vale  Verde. Resultado este de muito trabalho e muita dedicação!
Uma associação de pessoas plenas de sonhos e desejos voltados para o retorno do Trem, ainda que para fins turísticos. Já se foram desde que iniciei este trabalho, dois anos de muita pesquisa, busca por parceiros, técnicos, uma longa corrida para reunir um grupo coeso e forte, determinado dentro dos mesmos ideais. Foi preciso colocar no papel o que habitava ainda o mundo das idéias, fiz um projeto inicial e busquei aprimora-lo, tornando-o viável e aplicável. Muitos amigos opinaram, outros forneceram dados, a Universidade Federal de Lavras, sob o comando do Professor Magno Pato Ramalho e sua equipe, fez a projeção do EXPRESSO VALE VERDE traçando um raio de 100 km, o que nos permitiu enxergar além do costumeiramente podemos ver. Nosso colaborador e amigo, Engenheiro aposentado da Rede, Ricardo Coimbra, nos forneceu dados técnicos entre outras informações e correções no projeto, que muito contribuíram para melhorá-lo como um todo. Nossos Parceiros em BH, o Engenheiro Valdson Costa da Helucan nos trouxe a localização dos vagões que nos interessam e talvez irão planejar o design para adaptação ao circuito. Quando então estaremos em busca dos recursos para esta demanda. Recentemente contatei o SEBRAE solicitando apoio para fazermos um estudo de Viabilidade Econômica e estamos aguardando. Este estudo irá auxiliar muitas Micro, pequenas e médias empresas a enxergarem o projeto como investimento seguro. É preciso criar as condições para que este sonho se torne uma realidade!
 
No entanto, o evento mais importante foi recebermos em Lavras a ilustre pessoa do Sr. Sávio Neves Filho, Presidente da ABOTTC - Associação Brasileira das Operadoras de Trens Turísticos e Culturais. Veio prestar o seu apoio e nos dizer que o nosso projeto não é algo isolado, mas uma tendência no Brasil atual. Que até agora fizemos tudo certo, sonhando juntos um sonho fantástico, mas que era chegada a hora de partirmos para a próxima etapa! Sendo assim, sabendo da necessidade que nossa região tem de colocar este trem nos trilhos, ele ofereceu ajuda colocando a ABOTTC, uma OSCIP conhecida e reconhecida de todos como idônea e experiente, para lançar o nosso produto oficialmente. Isto, senhores, nos dará um avanço de pelo menos um ano em relação a caminharmos sozinhos. Sr. Sávio Neves hoje é Presidente de Honra do CFVV e lhe foi conferido  no almoço de recepção neste mesmo dia. Seu título lhe será entregue no dia da assinatura do convênio com esta Associação. Afirmamos como já o dissemos, que neste período já estaremos devidamente registrados e prontos para firmar o termo de comum acordo. Documento este que será feito para facilitar os trabalhos locais entre o CFVV e as cidades parceiras aqui da região, que a esta altura já receberam o modelo do acordo.
  
Por fim, informo que livros para coleta de assinaturas, "Abaixo assinado" em favor do nosso projeto, estarão igualmente circulando pela cidade em pontos importantes que permitam toda a população de sonhar o mesmo sonho que é ter o trem de passageiros de volta, mesmo que para fins turísticos! Este e o maior projeto desta natureza que se tem notícia em nossa região. Ele propõe novas idéias e ainda incorpora um projeto antigo, mas que pode se ver renascido agora em uma segunda etapa. "O percurso de Maria Fumaça de Lavras Ribeirão Vermelho". Propõe também um percurso médio e etapa inicial para inclusão das cidades, que terá inicio em Perdões e ponto final em Carrancas. Tendo uma proposta de um percurso longo de uma vez por mês, com provável  parceira de uma operadora  experiente em trajetos longos e de luxo, objetivando o público do exterior.
Se continuarmos todos juntos e determinados, alcançaremos nosso objetivo antes do que imaginava-mos.
Saudações Ferroviárias...
* César Mori é consultor e coordenador do “Expresso Vale Verde”, em Lavras-MG.
- Visite o Blog do CFVV: http://www.cfvv.blogspot.com/

- Foto: divulgação.
 
Contatos com CFVV:
Tel.: (35) 9826-2536
Orkut: Circuito Ferroviário Vale Verde


http://www.viafanzine.jor.br/site_vf/pag/2/ferrovia.htm