terça-feira, 9 de agosto de 2011

Lá no Ceará

Enquanto no Rio o estado destroí as ferrovias, acabando com a central logística,erradicando o ramal de iterói da leopoldina e fazendo vista grossa as lambanças da supervia, tudo em nome de Copa e Olímpiada, no Ceará...

Primeiro VLT já está em Sobral e ficará em exposição
Sex, 05 de Agosto de 2011 17:12

O primeiro Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) do Metrô de Sobral já chegou à
cidade. O equipamento vai ficar em exposição nas imediações da rotatória da
Av. Dr. José Euclides com Av. Pimentel Gomes, no bairro Coração de Jesus. A
iniciativa da Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos – Metrofor é
permitir que a população conheça de perto o equipamento que deve começar a
operar em 2012.

O VLT faz parte de um conjunto de cinco composições fabricadas pela empresa
Bom Sinal, que tem sede em Barbalha, na Região do Cariri. O Governo do Ceará
investiu na compra dos equipamentos cerca de R$ 22,4 milhões. Cada VLT é
formado por dois carros, tem movimentação bidirecional e capacidade de
transporte de 358 passageiros.

O primeiro VLT ficará exposto até que o Metrô de Sobral seja concluído. A
obra teve início em março deste ano. O Metrô de Sobral terá 12,18
quilômetros de extensão com dois ramais e onze estações. Um ramal, com
extensão de 6,4 quilômetros, compartilha a linha de cargas já existente e
hoje administrada pela Transnordestina Logística. Também será implantado o
Ramal Grendene-Cohab III, com 5,7 quilômetros, que vai atender o bairro mais
populoso de Sobral, Dr. José Euclides, e grandes polos geradores de viagens,
como a Grendene e o Centro de Convenções. Os dois ramais formam dois “us”
invertidos, que se tangenciam numa estação de integração.

O Metrô de Sobral é mais uma iniciativa do Governo do Ceará de requalificar
o transporte ferroviário de passageiros no interior do Estado e de
estruturar as cidades de médio porte, aliando investimentos públicos à
melhoria da qualidade de vida da população destes municípios. O
empreendimento terá um investimento total de R$ 70,1 milhões.