sábado, 6 de julho de 2013

O trem sujo da central chegou no Leblon

Não é de hoje que se sabe da situação caótica dos transportes públicos no Brasil em especial o ferroviário, agora o povo vai as ruas e até nas ilhas de riqueza como o Leblon há tiros, fogo e fumaça.
Estranho ver governantes e jornalistas declararem que não entendem o  motivo, que é uma surpresa tanta revolta, ora não é de hoje que há pressão  e repressão nos subúrbios, seja nos tiroteios nas favelas ou nas chicotadas dos seguranças dos trens, a pólvora já está pronta só faltava a fagulha para a detonação.
Pólvora de ira do usuário de transporte público acumulada desde a década de 70 quando o governo militar se viu obrigado a iniciar a modernização dos trens de subúrbio devido a uma revolta em grande escala no grande rio.
Para quem ainda está de queixo caído com a revolução que está nas ruas aconselho dar uma olhadinha nisso aqui http://lauaxiliar.blogspot.com.br/2009/10/meu-bem-meu-mal_10.html .


Não é de hoje que os usuários de trem de subúrbio se manifestam, até os cartazes vistos nas ruas ultimamente já estavam lá. mas foi necessário que a classe média alta escutasse o tiros para reconhecer o sofrimento do restante da população.